AVALIAÇÃO DA DISPENSAÇÃO DE FÁRMACOS PARCIALMENTE SELETIVOS PARA COX-2

Cícero Cardoso VALLE FILHO, Denise Aparecida da SILVA

Resumo


Uma pesquisa foi realizada com o objetivo de avaliar um potencial aumento na venda de fármacos anti-inflamatórios não esteroidais (AINEs) parcialmente seletivos para a COX-2 durante o período de julho de 2009 a junho de 2011, em uma drogaria localizada no município de Itaperuna, estado do Rio de Janeiro. Durante o período estudado foi dispensado um total de 802 AINEs parcialmente seletivos para a COX-2, dentre os quais 59,85% foram de nimesulida, 5,74% de etodolaco e 34,41% de meloxicam.   No primeiro semestre avaliado a dispensação total de AINEs parcialmente seletivos foi equivalente a 92, no segundo semestre a dispensação total foi equivalente a 159, no terceiro semestre a dispensação total foi de 219 AINEs parcialmente seletivos para COX-2 e no quarto semestre foram dispensados 332.  Os resultados indicaram maior dispensação dos medicamentos desta classe no mês de abril de 2011 sendo que tanto a nimesulida, quanto o meloxicam e o etodolaco foram mais dispensados no último semestre do estudo. De acordo com a metodologia utilizada pode-se concluir que a dispensação dos AINEs parcialmente seletivos vem crescendo a cada ano e que a nimesulida apresenta o maior índice de crescimento; a maior indicação da nimesulida tem sido para crianças; os meses correspondentes ao período de inverno apresentam maior dispensação de AINEs parcialmente seletivos para a COX-2.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2013 Acta Biomédica Brasiliensia

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.